3 dicas de gestão financeira para um 2021 melhor na sua empresa

2021 - AC Empresarial

É sempre bom conhecer algumas dicas de gestão financeira para manter a empresa no azul, não é mesmo? Com a rotina acelerada e o acúmulo de tarefas, é bem fácil deixar o controle financeiro de lado e acabar esquecendo de processos importantes para a manutenção da saúde financeira.

Pensando em facilitar a sua vida, separamos 3 dicas que farão toda a diferença na gestão financeira do seu negócio em 2021. O melhor de tudo é que você pode guardar essas dicas por toda a vida.

Dicas de Gestão Financeira para 2021 começar com o pé direito

Acompanhe as movimentações financeiras para ter uma boa gestão financeira

Uma empresa que não acompanha as movimentações financeiras acaba contando com a sorte e não tem a solidez necessária para se planejar. Acompanhar a evolução da empresa é imprescindível, e isso depende do acompanhamento das receitas e despesas.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Sebrae,  65% das empresas que fecharam as portas tinham um índice de acompanhamento rigoroso. Já 75% das que permanecem ativas realizavam um controle rigoroso.

Ou seja, mesmo empresas com muito controle financeiro podem fechar, apesar dos esforços por parte do empresário. Isso representa um problema muito sério.

O controle financeiro precisa ser visto como uma proteção para a empresa, não apenas mais uma obrigação ou um contratempo.

Cuidado com as contas a pagar e a receber

As contas a pagar e receber precisam ser outra prioridade na empresa. Sem saber quando as contas devem ser pagas e quando você irá receber dos clientes é fundamental, pois colabora para a previsibilidade financeira e a gestão do negócio.

É importante, ainda, garantir que a empresa receba de seus clientes antes do prazo dos seus compromissos. Assim, não compromete as finanças e nem a sua reputação diante de fornecedores.

Isso é gestão financeira!

Tenha um planejamento financeiro sólido

Por fim, é preciso ter um planejamento financeiro muito sólido. Não dá para contar com o acaso e sofrer com imprevistos o tempo todo. Afinal, isso não combina em nada com controle, não é mesmo?

O planejamento financeiro depende das dicas anteriores. Por isso, garanta que tudo está sendo seguido à risca! Seu planejamento financeiro precisa estudar as possibilidades e projeções a curto, médio e longo prazo. Esse plano deve considerar a situação do mercado, a sazonalidade e quaisquer outros fatores externos ou internos que possam prejudicar a empresa de alguma maneira.

Ao ter tudo isso na ponta do lápis, você consegue se preparar melhor e planejar as estratégias para sustentar o negócio, sem precisar cortar investimentos e custos aqui ou ali para conseguir se manter no azul.

Cortes repentinos e sem estratégia podem, na verdade, prejudicar sua empresa a longo prazo. Portanto, é preciso agir de maneira estratégica.

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Confira estas publicações relacionadas!